Category Archives: Articles

BIENAVENTURADOS LOS MISERICORDIOSOS

“Bienaventurados los misericordiosos porque alcanzarán misericordia”   (San Mateo, 5:7)

 

Qué es Misericordia?

 

Es la virtud característica de los mansos, pacíficos… De aquellos que ya aprendieron la mansedumbre, la capacidad de perdonar, de olvidar las ofensas…

Conquista especial de los que ya saben armonizarse, reconciliarse, ser amigo y amar a su “hermano.”

 

Saber convivir con las diferencias y con los diferentes es una ciencia: – carácter …

odio, rencor y suceptibilidad son señales de inmadurez, bajo grado evolutivo, poca elevación y alma sin grandeza.

 

Los Espíritus evolucionados, las almas elevadas son  misericordiosas, saben perdonar, pasan por encima del mal que les hicieron…

 

No es correcto colocar nuestro equilíbrio en la mano de otro,  que perjudique nuestra salud física y mental!

 

La Misericordia no debe tener límites!

 

Somos criaturas imperfectas, cómo exigir perfección del otro?

 

Por eso Jesús, sabiamente, recomendó que perdonáramos “no siete veces, mas setenta veces siete veces”…

 

Hay dos maneras de perdonar:

1- una, grande, generosa – sin segunda intención.

2-otra, humillando al otro, por ostentación…  “Vea que generoso soy”.

 

Esa postura orgullosa imposibilita la reconciliación sincera, de ambos

En Mateo (5:25), vemos otro registro importante, cuando Jesús

dice: – “reconcíliate mientras  estás en el camino”…

 

La muerte no nos libra de los enemigos y surgen en nuestro camino espíritus vengativos, con ódio que fácilmente nos pueden atormentar…son los cuadros de obsesión, en sus diversos grados.

 

Es una cuestion de inteligencia repararlo cuanto antes… garantizando la tranquilidad futura. POR ESO JESUS NOS RECORDO “QUE NO SE COGEN FLORES DE LOS ESPINEROS”

 

NADIE CAMBIA A NADIE!

La Doctrina Espírita nos aconseja “no dejar que el sol se ponga sobre nuestras penas”…

Share
  • Facebook
  • Twitter
  • Delicious
  • LinkedIn
  • StumbleUpon
  • Add to favorites
  • Email
  • RSS

BEM AVENTURADOS OS MISERICORDIOSOS

Por Lucia Vilela

 

“Bem aventurados os misericordiosos porque alcançarão misericórdia”

(Esse tema está em MT 5:7)

O que é Misericórdia?

É a virtude característica dos mansos, pacíficos… Daqueles que já aprenderam a mansuetude, a capacidade de perdoar, de esquecer ofensas…

Conquista especial dos que já sabem se harmonizar de se reconciliar, de ser amigo, de amar ao seu “irmão”

Saber conviver com as diferenças e com os diferentes é uma ciência: – alteridade …

Ódio, rancor, melindres são sinais de imaturidade, singelo grau evolutivo, pouca elevação, alma sem grandeza.

Espíritos evoluídos, almas elevadas são  misericordiosas, sabem perdoar, pairam acima do mal que lhe fizeram…

Não é correto colocarmos nosso equilíbrio na mão do outro, prejudica nossa saúde física e mental!

A Misericórdia não deve ter limites!

Somos criaturas imperfeitas, como exigir perfeição do outro?

Por isso Jesus, sabiamente, recomendou que perdoássemos “não sete vezes, mas setenta vezes sete vezes”…

Há duas maneiras de perdoar:

1- uma, grande, generosa – sem segunda intenção.

2-outra, humilhando o outro, por ostentação…  “Vejam como eu sou generoso”.

Essa postura orgulhosa impossibilita a reconciliação sincera, de ambos

Em Mateus (5:25), vemos outro registro importante, quando Jesus

diz: – “reconcilia-te enquanto estás a caminho”…

A morte não nos livra dos inimigos e surgem no nosso caminho espíritos vingativos, com ódio. que facilmente podem nos atormentar…nos quadros de obsessão, em seus diversos graus.`

É uma questão de inteligência reparar o quanto antes… garantindo a tranquilidade futura. POR ISSO JESUS LEMBROU “QUE NÃO SE COLHE FLORES DOS ESPINHEIROS” NINGUÉM MUDA NINGUÉM!

A Doutrina Espírita nos aconselha a “não deixar que o sol se ponha sobre nossas mágoas”…

Precisamos nos libertar do autoritarismo, da rigidez… Aprender a fazer amigos, evitar discórdias, presentes e futuras…

O que é “amar o inimigo”?

É colocar-se no lugar do outro e esquecer o mal que nos fizeram, buscando compreensão, deixando nascer o perdão e o auto perdão.

É NECESSÁRIO MUITA VIGILANCIA EM RELAÇÃO A NÓS MESMOS E AO OUTRO, PARA EVITAR REPETIÇÕES.

Façamos nossa parte para alcançar misericórdia divina, no aprendizado do amor e do perdão.

Share
  • Facebook
  • Twitter
  • Delicious
  • LinkedIn
  • StumbleUpon
  • Add to favorites
  • Email
  • RSS